warning icon
YOUR BROWSER IS OUT OF DATE!

This website uses the latest web technologies so it requires an up-to-date, fast browser!
Please try Firefox or Chrome!

Continuamos nossas dicas para montagem de pergolados. Utilizado em áreas agrícolas, principalmente na vinicultura, os pergolados de madeira ganharam as cidades. Trazem o charme dos vilarejos italianos e um ambiente bucólico para ambientes empresariais e residenciais dos grandes centros. Referência de decoração para áreas externas e jardins, os pergolados mantém a mesma função de quando instalados em fazendas: dar abrigo.

Dicas para Montagem de Pergolados

Assim como confere às plantas a passagem de luz e de chuva, os pergolados sem cobertura guardam em si a tradição das vinícolas.

Enquanto isto, estruturas cobertas por vidros laminados ou um teto de policarbonato garantem o conforto para as eventuais mudanças climáticas, preservando encontros de amigos e familiares, mesmo sob chuva.

Estrutura necessária para a instalação do pergolado

Antes da compra de seu pergolado de madeira, verifique se a área de seu jardim tem, no mínimo 6 metros quadrados, área necessária para a instalação.

Ainda falando em medidas, as madeiras que serão utilizadas nas bases verticais devem ter, no mínimo: 8 cm² (largura) x 3m de comprimento (altura).

Respeite estes números, evitando, assim, emendas que serão prejudiciais para a aparência e durabilidade.

Cuidados com o seu pergolado de madeira

Já falando em madeiras, e pensando também no citado tempo de vida de seu pergolado. Elas devem ser previamente impermeabilizadas para suportar as variações climáticas, bem como passar por um tratamento contra os ataques de insetos.

Lembrando sempre da importância da manutenção periódica, com lixamento e aplicação de verniz (ou cobertura com tinta apropriada).

O chão sob o seu pergolado

Se você tem um estilo mais clássico, instale o seu pergolado de madeira diretamente na grama ou terra, conferindo um ar do campo. Por outro lado, caso queira criar um lounge, com estilo modernista, opte por um piso de madeira. Cobrir o chão com minúsculas pedras dará um toque oriental e casual ao seu pergolado de madeira, principalmente, complementa-o com vasos de plantas como bonsais, por exemplo. Você também pode escolher instalar a sua estrutura em um piso de cimento ou concreto, decorando com móveis de madeira e vasos de plantas. Já para utilizar o pergolado como garagem, você pode fazer um caminho com grandes pedras lisas em forma de quadrado.

Cuidados na escolha do teto

Cobrir ou não cobrir o seu pergolado, eis a grande questão que tem rodeado os seus pensamentos, não é mesmo? Utilizar plantas trepadeiras para uma espécie de telhado natural, além de mais bonito e rústico, dá vida ao seu pergolado. Mas qual plantas escolher? Calma, é só anotar as nossas dicas: tumbérgia, maracujá, alamanda, jasmim-dos-açores, lágrima-de-cristo, dipladênia (também conhecida como mandevila), buganvília, jasmin-de-madagascar, aspargo-pendente e rosinha-trepadeira.

No entanto, nos dias de chuva ou de intenso calor, você deseja mais do que tudo uma cobertura para não deixar de aproveitar o seu espaço. As variações climáticas também decidem a decoração com móveis e outros elementos, principalmente pelos que não se podem deixar ao sabor do vento e da chuva. Para isto, existem dois tipos de coberturas artificiais recomendadas para o seu pergolado de madeira: vidro ou policarbonato.

O mais importante ao escolher uma cobertura artificial é ter a garantia de que o seu pergolado não se transformará em uma estufa. Tudo isso influenciado pelo material escolhido, clima da região, altura e área da sua estrutura. Composto pela mistura dos componentes químicos aço carbônico e bisfenol, o policarbonato garante maior conforto térmico ao seu pergolado. Além disso, tem a garantia de 250 vezes mais resistência a impactos que o vidro.

Leia também Cuidados na montagem de pergolados de madeira

Já o vidro, opção que apresenta maior durabilidade, deve ser escolhido na opção laminado, com duas chapas unidas de Película de Polivinil Butiral (PVB) – garantindo assim que o vidro nunca vá estilhaçar. Além disso, compre uma cobertura com as seguintes especificações: 8 MM (4+4 Duplo incolor), com tratamento refletivo, de 0,40 a 0,55 de coeficiente de sombreamento e de 32 a 40% de reflexão solar total.

loading
×